News

Angolan air taxi service created in Luanda by private group

Angolan air taxi service created in Luanda by private group

26th August 2016

The Angolan business group, Miamop, has launched the executive air taxi service called Air Miamop, based in the district of Viana, in Luanda. The company will operate two helicopters Bell 407 model, with four seats each, which can fly to all provinces of the country.

 

According to Executive Director of Air Miamop, Maunio Comueje, quoted by the “O País” newspaper, the air taxi service came into operation after the resolution of bureaucratic issues. "The air segment of Miamop has existed for five years. However, only now have we been able to enter into the market for bureaucratic reasons. We have been dealing with the certification of the terminal and the manuals of the aircraft in order to be licensed to conduct air operations”, the director explained.

The spokesman added that Air Miamop can fly to various points of Luanda and other provinces of the country, in accordance with customer requests, while respecting the restrictions, prohibitions and rules imposed by the Empresa Nacional de Exploração de Aeroportos e de Navegação Aérea (ENANA). "We are now ready to respond to the requests in Luanda, but there are areas where we cannot fly. It is a new service, but it has its limitations in the space reserved for the domestic aviation market”, stated the director. Maunio Comueje also ensured that Air Miamop emerged not only as a solution for mobility problems in the city of Luanda, but also as a leisure option for a sector of an increasingly demanding society.

The Bell 407 model appliances have been certified by the Angolan aviation authorities and that "the company has a team of competent pilots, mechanics and dedicated professionals, trained in the best aviation schools in Brazil", the spokesman concluded. In addition to Air Miamop, Best Fly and Diexin Express are other companies which operate in the scheduled air transport segment with small aircraft.

_

Grupo privado angolano cria táxi aéreo em Luanda

 

O grupo empresarial angolano, Miamop, lançou no mercado o táxi aéreo executivo denominado Air Miamop, sediada no município de Viana, em Luanda. A companhia vai operar com dois helicópteros modelo Bell 407, de quatro lugares cada, que poderão voar para todas as províncias do país.

     

Segundo Director executivo da Air Miamop, Maunio Comueje, citado pelo Jornal O País, o serviço de táxi aéreo entrou em funcionamento, depois de ultrapassadas as questões burocráticas.

“O segmento aéreo da Miamop já existe há cinco anos. Entretanto, só agora entramos no mercado por razões burocráticas, pois estávamos a tratar da certificação da aerogare e dos manuais das aeronaves para que pudéssemos estar habilitados a realizar operações aéreas” – explicou.

O responsável acrescentou que a Air Miamop poderá voar para vários pontos de Luanda e outras províncias do país, de acordo com as solicitações dos clientes, mas respeitando as restrições, proibições e as regras impostas pela Empresa Nacional de Exploração de Aeroportos e de Navegação Aérea (ENANA).

“Estamos prontos para dar respostas às solicitações em Luanda, mas há zonas em que não podemos voar. É um serviço novo, mas que tem as suas restrições no espaço reservado ao mercado da aviação nacional” - esclareceu.

Maunio Comueje garantiu ainda que a Air Miamop surgiu não só como uma solução de problemas de mobilidade na cidade de Luanda, mas também como uma opção de lazer para uma franja da sociedade cada vez mais exigente.

Os aparelhos modelo Bell 407 foram certificados pelas autoridades aeronáuticas angolanas, sendo que “a empresa conta com uma equipa de pilotos e mecânicos profissionais competentes e dedicados, formados nas melhores escolas de aviação do Brasil” – conclui.

Além da Air Miamop, operam no segmento de transporte aéreo não regular as empresas Best Fly e a Diexin Express, com aviões de pequeno porte.